Profissões com melhores salários

Saiba aqui quais são as áreas com o melhor retorno financeiro da atualidade.

Tomar a difícil decisão de escolher a sua carreira profissional envolve vários aspectos, sendo os principais a identificação com a área escolhida e as renumerações oferecidas pelo mercado de trabalho para a área em questão. Esses dois itens estão sendo cada vez mais ponderados e influenciando na escolha de formação acadêmica do jovem. Entenda as razões disso e conheça quais áreas rendem ao profissional um maior retorno financeiro.

 

Vale a pena escolher baseando-se no salário?

 

Claro que é muito melhor que o jovem escolha uma carreira que goste e com a qual sinta uma identificação e aptidão maior. Ter afinidade com a área escolhida vai auxiliar no avanço dos estudos acadêmicos, motivando o aluno a não desistir, especialmente quando ele passar pelos períodos mais difíceis do curso. No entanto, preocupar-se com o aspecto financeiro do curso não é errado e demonstra maturidade por parte do estudante, que compreende a importância de avaliar o retorno financeiro que a carreira pode oferecer. Diante de um cenário econômico instável, os jovens querem ter certeza que a carreira escolhida irá valer todo o esforço e empenho dedicados durante a faculdade. Por isso, vemos frequentemente estudantesabandonando seus cursoscom a intenção de estudar algo que seja futuramente mais rentável.

 

Quais são as áreas mais bem pagas atualmente?

 

De acordo com uma pesquisa feita pela Fundação Getúlio Vargas, essas são, atualmente, as áreas que oferecem melhor retorno financeiro:

 

  • Medicina – salário médio: R$ 8.966,07
  • Administração – salário médio: R$ 8.012,10
  • Direito – salário médio: R$ 7.540,79
  • Ciências Econômicas ou Contábeis – salário médio: R$ 7.085,024
  • Engenharia – salário médio: R$ 6.938,39
  • Ciências Exatas e Tecnológicas – salário médio: R$ 5.349,96
  • Geologia – salário médio: R$ 5.285,77
  • Militar – salário médio: R$ 5.039,14
  • Ciências Agrárias – salário médio: R$ 5.028,37

 

E a mesma pesquisa classificou os cargos com maiores médias de salário no Brasil:

 

  • Diretor de Processamento de Dados – R$ 19 mil
  • Diretor de Tecnologia da Informação (TI) – R$ 18.600 a R$ 20 mil
  • Diretor de Suporte Técnico – R$ 17.500

 

Especialistas procuram lembrar que formação e atuação são coisas distintas e, por esse motivo, estar formado na área não implica em receber a renumeração máxima oferecida. O local de trabalho, o porte da empresa e o seu desempenho como profissional contam bastante na balança.

 

Quer encontrar sua vaga ideal? Acesso nosso site e confira as 432.971 vagas em São Paulo!